09

out

2017

Animais emprestam a voz para animação de educação ambiental

No ritmo do feminejo, campanha produzida pela agência Forest Comunicação explica o Código Florestal.
Anúncios e postagens dominam os espaços públicos e digitais na disputa pela atenção do consumidor. Outdoors, panfletos e vídeos de reprodução automática são um cardápio para os olhos. Para conseguir alguns segundos de atenção, é preciso estar atento às tendências. Foi assim que a Forest Comunicação entrou na onda do “feminejo” para atender o Instituto de Pesquisa Ambiental da Amazônia (IPAM) e divulgar informações sobre o Código Florestal. Em quatro episódios animados da campanha “Tome Conta!”, as cantoras embalam o público em versos de educação ambiental.Para além da paixão pela música, a gambiarra cotidiana também já caiu no gosto popular. Os famosos “gatos” podem ser uma solução para alguns pepinos do dia a dia, como um chuveiro queimado ou um chinelo que arrebentou. Mas a Gatinha cantora avisa: com transparência não tem susto! Seguir as normas, principalmente do Código Florestal, pode ser divertido e, de quebra, garantir água limpa, clima estável e alimentos de qualidade. A formação de um banco de dados sobre o meio rural é um dos motes da legislação ambiental para proteger e preservar nascentes, encostas e reservas legais.Nas animações da campanha, a Sapa, a Cachorra e a Abelha se juntam à Gata. Cada personagem lembra um aspecto diferente do Código Florestal. Os personagens animados são sempre uma escolha certeira na hora de conquistar o público. Seja para alertar sobre a importância da vacinação infantil com o Zé Gotinha ou promover a direção segura com o Armando Vacilão, da Fiat. A mensagem se torna didática, sem ser chata, pois atrai a audiência.Naiara Azevedo, Simone & Simaria e Marília Mendonça também sabem envolver o público, se tornando alguns dos principais nomes da música no Brasil. As cantoras de “feminejo” se consolidam e conquistaram espaço na publicidade. Carisma e músicas contagiantes são a assinatura do feminejo e não podia ser diferente para as personagens criadas pela Forest. Em 30 segundos, os vídeos prendem a atenção do público com uma linguagem simples que fala sobre as áreas de preservação permanente e a gravidade dos crimes ambientais.

A Forest Comunicação é especialista em temas socioambientais e acredita no entretenimento como ferramenta de mobilização que engaja e faz refletir. Para a efetividade do Código Florestal, a lei precisa atingir o coração dos brasileiros e as personagens têm o poder de conquistar o público e transmitir essa mensagem.

Deixe uma resposta

Todos os direitos reservados Forest Comunicação 2017
Tree Pixel Agência Digital
Associação Brasileira das Agências de Comunicação